terça-feira, maio 20, 2008

Perfume

E meio sem querer
Eu lembrei de ti
Peço desculpas
Coisas da vida

E o pior
Ou quem sabe, o melhor
Não pude controlar
Foi mais forte

Foi teu perfume
O culpado disso tudo
Não conseguiu passar
Evaporar

Ficou impregnado em mim
Não saía de jeito algum
Um perfume sem fim
Longe de algo comum

E toda vez que respirava
Logo ele vinha
Não conseguia parar
Parar de sentir, de pensar
=]

domingo, maio 18, 2008

Tchau

*Achei aqui um papel solto com uns rabiscos... não mudei nada. Ficou assim:


Tchau

Olha, não te quero mais,
pra mim
te desejo tudo de bom
alegrias sem fim

te gosto como um irmão
só quero teu bem
por ti enfrento qualquer um
assim não temo ninguém

ai de quem te fizer mal
ainda mais fazer chorar
vai saber não sou legal
a quem ousar te machucar

tu pra mim és uma princesa
sei, contudo, não és perfeita
mas pra mim isso é besteira
como tu não há igual

tudo que eu tentei dizer
espero possa entender
te dedico singelos versos
e tudo de bom pra você
=]

segunda-feira, maio 05, 2008

Minha arma

A palavra é minha arma
Meu verso
Com ele faço graça
Ou protesto

A palavra é minha arma
Meu verso
Com ele espanto o mal
Disperso

Eu já disse, é minha arma
Meu verso
Com ele mudo o mundo
O universo

A minha arma
O meu verso
Não conto apenas mentiras
Sou sincero
Minha arma
Meu verso
Dele eu sou senhor
Sou servo

A arma
O verso
Eu só quero me expressar
Não preciso de sucesso

Com ele eu faço vida
Invento amores
Multiplico alegria
Afasto as dores

A palavra é minha arma
Meu verso
Com essa vou embora
Me despeço
=]

Versos livres e tristes

Mas que coisa
Vazio e frio
Sem sentidos ou emoção
No escuro, perdido
Sem concentração

Meu Pai que deslize
Agora lembrei
Não mando no coração
Aquele rebelde

Um estado confuso
Estático
Como quem não sabe aonde ir
O que fazer

Um dia triste
Com toda certeza
E sabe o pior?
Ele ainda nem acabou

E noite agitada
Como se pode dormir?
Pensando em mil coisas
Vontade de sumir...

Contudo, não acabou
Nem deveria
Pois depois da forte chuva
Pode vir um arco-íris...
=]

Por ti

Eu peço por ti
Eu te prezo
Eu rezo
Eu verso

Não digo tudo
Te quero
Sem pressa
Eu espero

O tempo é aliado
Não insisto
Sei como funciona
Ainda assim, persisto

Te vejo ao longe
Nos imagino
Então me lembro
Te quero perto

Por ti sempre irei
Não deixarei de tentar
E a energia para isso
Nunca faltar-me-á
=]