sexta-feira, novembro 16, 2007

Eu começo? Você começa?

E já estamos de volta
Buscando sempre o prazer
Deixando de lado a dor

Agora chega de sofrer
Você veio na forma mais linda
Eu vim como seu protetor

Então, vamos apenas viver
Eu sou espinho
Você é flor

A vida temos que dar valor
Você, a motorista
Eu, o trocador

E agora é hora de contemplar
E sou a Praia
Você é o Mar

Subiremos nos degraus da vida
Você o Andaime
Eu o Andar

E cantaremos nossas vitórias
Eu a música
Cê o sabiá

E teremos luxo demais
Você o Champagne
Eu Caviar

Faremos um carnaval
Eu, Dodô
Você, Osmar
Eu o Prazer
Você o Dançar

Criaremos com louvor
Você a Tela
Eu o Pintor

Travaremos nossa luta
Você a Resistência
Eu o Invasor

Ah, meu Pai, que disparate
Eu o Chumbo
Você o Bacamarte

Nossa diferença não será um desastre
Você a Guerra
Eu a Arte

A nossa força não decai
Você, a Olívia
Eu, o Popeye

Nosso passo levanta poeira
Eu a Ginga
Você a Capoeira

Seremos perfeitos como os Profetas
Eu a Metade
Você Completa

Não precisamos ir embora
Eu o relógio
Você a hora

Ficamos acertados assim.
Você é o Começo
Eu sou o Fim...

Nenhum comentário: