segunda-feira, setembro 10, 2007

O coração, a malhação e a decisão, tudo ão.

E eu ando tão sem nada pra escrever que estou ficando mais ou menos preocupado. Tá faltando alguma coisa, falta eu escrever de novo. E então, a ispiração que eu estava perseguindo, apareceu diante dos meus olhos. Algumas vezes não é sobre coisa boa mas preciso escrever um pouco.

E enrolo tanto que eu já estava até esquecnedo sobre o que eu ia falar mesmo. Agora complicou um pouco, a idéia/frase/palavra/conceito é arteria demais, bobeu um pouco ela foge e nem sei se volta mais. Eu enrolo demais pra escrever, mas o que eu disse é verdade.

Acabei vendo uns escritos e queria falar deles. Dum coração que parece estar quebrado, do barulho cada vez mais forte saindo daquela caixa de som que vez por outra chamamos de peito, das mão ficando geladas, das pernas ficando fracas. E isso acontece em situações boas e ruins, se é que existe isso. E eu lembrei duma música de forró que dizia que "cristal quebrado não cola jamais, sonhos feridos não curam não sai, melhor esquecer não volto atrás, baby eu juro te amar nunca mais...". o que eu quis dizer com isso? Nem sei, mas lembrei de outra música: "Vontade de ti já passou, vontade de vida ficou, me envolvo comigo, pois sou meu melçhor amigo, então Não vou te dar meu coração, pois cada pedaço de alma que chora baixinho merece perdão...". Apenas lembrei.

O coração é de vidro? Quebrou e não cola mais? Então seus problemas não acabaram... Não, ainda não inventaram, e se o fizeram não me disseram, remédios para esse tipo de dor. Não há ponte de safena que dê jeito. Não tem dieta de colesterol que ajude. Sempre me dizem, e sempre mesmo e isso ja´tá ficando chato, que o melhor remédio é o tempo, vou mais nem falar disso.

E ás vezes, sem mudar de assunto, você leva um golpe tão forte, que parece qeu seu coração quer sair ou vai parar na barriga. E se o meu for parar na barriga eu tenho medo do meu estômago ser tão ácido quanto meu humor que eu deixo escondido [muitas vezes só pra mim]. E ter meu coração derretido, desfeito. Não tem preço. E o coração mesmo sendo músculo não fica treinado com exercício. Ele só se fortalece/enfraquece na batalha diária - ou em drops- da vida real. E não, você não pode mudar de canal. Mas pode escolher ser telespectador/público passivo ou ativo de sua vida. Como sempre diz o sábio Capitão Planeta: O poder é de vocês!

=]

Nenhum comentário: