terça-feira, agosto 28, 2007

E a tristeza também deve ser registrada...

-E então Escritor, qual é o problema?
-Mionha Musa, é a tristeza que voltou. Ruim demais. A tristeza sempre vem acompanhada da vontade de escrever.
-Bom que assim tu vem me visitar. E tristeza por causa daquela pessoa de novo?
-Não, não
-Não gosta mais dela?
-Não é isso. Gosto dela agora apenas no sentido de gostar como pessoa e querer o bem dela. Não é mais o gostar de querer namorar ou algo do gênero...
-E o que foi agora?
-Nem sei como te explicar... Parece que eu levei um "fora", um "dispensa" de uma amiga.
-Estava apixonado por ela?
-Não é bem isso. Apaixonado pela pessoa sim, no sentido de querer muito bem, de torcer para qeu tudo dê certo para ela, de admirar e da companhoia fazer bem, trazer sempre alegria.
-Existe mesmo amizade entre homem e mulher?
-Não vou nem responder porque acho que nem vale a pena...
-Era amizade mesmo?
-Se não era amizade não sei mais o que poderia ser...
-E o que ela te disse?
-Ela é a primeira pessoa que me diz que eu sou sincero e transparente. E isso com pouco tempo de convivência...
-E isso te ofendeu?
-Não é bem isso. Sempre me acusaram de ser uma pedra de gelo. De nunca demonstrar sentimentos. Aí alguém chega e te chama de sincero e transparente. Ela que conseguiu fazer uma leitura de minha pessoa duma forma que nunca fizeram antes.Aquele negócio de "você não me engana"... Acho que também pelo fato de eu tratar cada pessoa de maneira diferenciada, de apenas mostrar um lado que fica sempre guardado apenas para pessoas que considero de confiança. Nem sei te dizer. Ela adquiriu minha confiança de verdade. É aquele negócio de você de repente abrir os olhos, estar na beirada de um precipício, olhar para o lado e ver essa pessoa de confiança. E então ela diz: Vamos? Pula comigo! Confia em mim! E vocÊ vai sem medo de ser feliz... Ah, é difícil encontrar alguém assim. Que vocÊ possa confiar e trocar confidências sem segundas intençõs...
-Sim, mas e porquê a tristeza mesmo?
-Você pode nem entender, mas parece que perdi uma amizade...
-Sério mesmo? Tu é muito dramático rapaz, deixa disso... Sério mesmo?
-Olha, engraçado que eu nem sou muito de dizer o quanto eu gosto de uma pessoa. Mas toda vida qeu digo acontece algo assim, ela, por exemplo,não acreditou. E eu quero ela muito bem...
-E tu não pode arranjar outra amiga não?
-Seguinte, ninguém substitui ninguém. OU é aquela pessoa ou entãonão dá certo. Amizade não é que nem sapato que quando você desgasta pode comprar um novo. Com amizade não é assim...
-Então já resolvi pra você!
-Como assim?
-Oura, está na cara! Quando vocÊ tem amizade e tira amizade, se restar amizade é porque é amizade.
-O que isso quer dizer?
-Que se for mesmo amizade então ela há de prevalecer!
-Minha Musa, não sei o que faria sem ti...
-Deixe na cabeça só os bons pensamentos Escritor e siga em frente...

Nenhum comentário: