segunda-feira, fevereiro 18, 2013

O sorriso e a moça

Moça, aonde você vai
com esse sorriso tão bonito?
Queres acabar comigo?

Você quer fazer meu mundo inteiro 
desabar por um segundo?

Com licença, mas preciso perguntar:
Acha mesmo que sorrindo desse jeito
não vai me conquistar?

Acha mesmo que esses olhos tão bonitos
e essa boca tão bem feita
não vão me torturar?

Acha mesmo que minhas noites
tão pacatas e sem graça
não lembrarão desse olhar?

Acredite, até tento disfarçar,
mas o brilho em meus olhos
sempre vai me entregar

Com licença, mas preciso te expulsar
com certeza vai me achar um louco
e é verdade, eu não posso discordar

O que eu não posso, moça,
é deixar de te olhar...
=]

2 comentários:

Diego Medeiros disse...

E são tais olhares que inspiram mergulhos em movimentos volteantes de pura admiração. dei valor grande Ayala.

Helena disse...

Que lindo, Rafa.
Adorei.

Uma declaração e tanto...!
Beijos!